Português   English   Español
Português   English   Español

Jair Bolsonaro celebra aprovação da MP 871 no Senado

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Jair Bolsonaro celebra aprovação da MP 871 no Senado

A MP 871 foi aprovada na noite desta segunda-feira no Senado, último dia antes de perder sua validade.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, celebrou na noite desta segunda-feira (3) a aprovação da Medida Provisória (MP) 871, que visa a combater as fraudes no sistema previdenciário.

Em uma mensagem publicada no Twitter, o chefe do Executivo parabenizou a atuação dos parlamentares e disse que a aprovação da MP “gerará ao país economia de 100 bilhões em 10 anos”.

Bolsonaro deixou um agradecimento, em especial, ao relator da MP na Câmara, o deputado federal Paulo Martins (PSC-PR).

A MP 871 foi aprovada na noite de ontem no Senado Federal, faltando apenas três horas para perder sua validade.

Apesar de ser uma segunda-feira (3), dia atípico para votações em plenário, 68 senadores registraram presença. 55 parlamentares votaram a favor da MP e 12 contra.

O texto aprovado estabelece um programa de revisão dos benefícios com indícios de irregularidades e autoriza o pagamento de um bônus para os servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) para cada processo analisado fora do horário de trabalho.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Veja também_

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email:

Fique tranquilo(a), assim como você também odiamos spam, você poderá sair quando quiser :)

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Nunca mais seja massa de manobra. Assine!