Português   English   Español

Jair Bolsonaro começa a divulgar ‘Manifesto à Nação’

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Depois de divergências na campanha, a equipe do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) começou a divulgar na terça-feira (25) de forma pulverizada o manifesto para tentar frear narrativa de que ele é “antidemocrático e radical”.

Nas primeiras mensagens publicadas no Twitter, a campanha procurou mostrar um candidato crítico a divisões da sociedade e destacou que, em um eventual governo, o Bolsa Família será mantido.

As versões do material preparadas por aliados – e avaliadas pelo próprio candidato – tentam reduzir críticas feitas a ele por declarações polêmicas nas questões de gênero e na área econômica.

O próprio Jair Bolsonaro reiterou que um documento nos moldes da “Carta ao Povo Brasileiro”, divulgada em 2002 pela campanha de Lula à Presidência para acalmar o mercado, poderia irritar seu eleitorado. Assim, a campanha começou a preparar mensagens com intuito de não perder o tom de crítica à esquerda.

As mensagens divulgadas na rede social têm um formato diferente – trazem uma foto do candidato e o texto entre aspas, como se fosse uma frase, assinada por Bolsonaro.

A ideia da divulgação de um manifesto com a versão “paz e amor” de Bolsonaro foi sugerida pelo estrategista americano Arick Wierson, conforme publicado pela Renova Mídia.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo

Twitter
WhatsApp
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Deixe seu comentário

Veja também...