Português   English   Español

Jair Bolsonaro estuda nome militar para chefiar a Petrobras

Jair Bolsonaro estuda nome militar para chefiar a Petrobras

Campanha do presidenciável do PSL considera que general no comando da estatal passaria imagem de austeridade a eventual governo.

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, avalia nomes militares para presidir a Petrobras, caso seja eleito.

Para setores da campanha do presidenciável, a mais importante estatal do País sob o comando de um general passaria a imagem de austeridade para minimizar impactos de um possível governo com políticos tradicionais.

A Petrobras é considerada simbólica por ter sido alvo da Operação Lava Jato durante os governos do PT.

Até o momento, não há nomes nas Forças Armadas cotados para presidir a estatal. Os generais da reserva ligados a Bolsonaro atuam mais nas áreas de defesa e infraestrutura.

Ao discutir com aliados a possibilidade de colocar a Petrobrás sob o comando de um militar, Bolsonaro tenta também segurar eventuais indicações de partidos do Centrão.

 

Adaptado da fonte Estadão

Deixe seu comentário

Veja também...