Jair Bolsonaro rejeita cobranças em universidades públicas

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Diploma na parede não é garantia de emprego”, disse Bolsonaro sobre a controversa proposta de governador do PT.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, afirmou que é contra a proposta aventada pelo governador da Bahia, Rui Costa (PT), de que as famílias mais abastadas paguem pelo estudo de seus filhos em universidades públicas do país.

Na manhã desta quinta-feira (23), durante café da manhã com jornalistas, Bolsonaro declarou:

“Se as universidades públicas começarem a cobrar R$ 3 mil em mensalidade dos alunos, vai ter fuga em massa nos cursos de graduação do Brasil. Eu sou contra uma medida como esta, porque o pai vai preferir pagar para o filho estudar em outros países.”

Segundo o Metrópoles, o chefe do Executivo disse acreditar mais na eficiência de um “bom curso técnico” do que na eficácia do curso superior:

“Diploma na parede não é garantia de emprego. Acho até que quem possui um bom curso técnico tem mais chance de conseguir um emprego.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.