Japão repudia incursões aéreas da China em Taiwan

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Governo do Japão endurece discurso contra incursões chinesas em Taiwan.

O novo governo do Japão afirmou que está se preparando para “vários cenários” envolvendo Taiwan — ilha que a China considera sua.

Questionado sobre o recorde de incursões chinesas no espaço aéreo de Taiwan, o chanceler japonês, Toshimitsu Motegi, deu um passo além da retórica usual de seu país:

“Em vez de simplesmente monitorar a situação, nós esperamos pesar os diversos cenários possíveis para considerar quais opções nós temos, assim como as preparações que devemos fazer.”

Motegi também reafirmou o comprometimento com os laços entre o país e os Estados Unidos.

A fala do chanceler aconteceu na terça-feira (5), um dia depois de o novo premiê japonês, Fumio Kishida, anunciar o seu gabinete e a realização de eleições gerais no dia 31.

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.