- PUBLICIDADE -

Jeffrey Epstein queria ‘semear a raça humana’ com seu DNA

Jeffrey Epstein queria 'semear a raça humana' com seu DNA

- PUBLICIDADE -

Epstein disse a um cientista que a sua meta era engravidar 20 mulheres por vez no seu rancho no Novo México.

O bilionário norte-americano, Jeffrey Epstein, 66 anos, acusado de abusos sexuais contra menores de idade nos Estados Unidos, queria “semear a raça humana” com seus genes engravidando 20 mulheres por vez em seu rancho do Novo México.

A informação consta em um artigo publicado nesta quinta-feira, 1º de agosto, pelo jornal The New York Times.

“A visão de Epstein reflete sua longa fascinação com o que se conhece como ‘transhumanismo’: a ciência de melhorar a população humana mediante tecnologias como a engenharia genética e a inteligência artificial”, informa o jornal.

Em múltiplas ocasiões desde o começo dos anos 2000, Epstein falou com cientistas e empresários “sobre suas ambições para usar seu rancho no Novo México como base onde inseminaria mulheres com seu esperma e dariam à luz aos seus bebês”, segundo dois cientistas premiados ouvidos pelo NY Times.

Epstein, que já foi condenado em 2008, na Flórida, por abusar sexualmente de uma menor de idade, está agora detido em Nova York à espera de julgamento, acusado por crimes similares.

Na última semana, o bilionário, que é amigo íntimo da família Clinton, foi encontrado semiconsciente no chão de sua cela e com marcas no pescoço. Após passar por tratamento em hospital, ele está de volta ao presídio.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -