Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Jihadistas matam 24 pessoas em igreja cristã de Burkina Faso

Jihadistas matam 24 pessoas em igreja cristã de Burkina Faso
Imagem: Reprodução/Twitter
COMPARTILHE

Desde 2015, quase 750 pessoas morreram e 600 mil foram obrigadas a deixar suas casas neste país de fronteira com Mali e Níger.

Um ataque jihadista, neste domingo (16), contra uma igreja protestante em Burkina Faso deixou ao menos 24 mortos e 18 feridos.

Em um comunicado publicado nesta segunda-feira (17), o coronel Salfo Kabore, governador da região do Sahel, declarou:

“O balanço provisório tem 24 mortos, incluindo o pastor de uma igreja protestante. Igualmente, lamentamos 18 feridos e pessoas sequestradas.”

E acrescentou:

“No domingo, um grupo armado terrorista invadiu a localidade de Pansi, na província de Yahgha, e atacou a aprazível população local.”

Já um morador contactado pela agência France-Presse afirmou:

“É difícil ter uma ideia da situação, pois os habitantes fugiram após o ataque. Em Sebba há uma situação de psicose porque terroristas mataram cristãos e seu pastor.”

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários