Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

João Doria corteja Tabata Amaral

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
João Doria corteja Tabata Amaral

“Troquei mensagens com ela. Ela é rosto, alma e coração do novo PSDB”, disse Doria sobre a deputada Tabata.

O governador de São Paulo, João ​Doria (PSDB), não ficou de fora da polêmica envolvendo o Partido Democrático Trabalhista (PDT) e a deputada federal Tabata Amaral.

Doria defendeu a filiação de Tabata ao seu partido, caso ela seja expulsa do PDT por ter contrariado determinação da legenda na votação da reforma da Previdência.

Direto de Londres, onde está em missão comercial, o tucano declarou:

“Troquei mensagens com ela. Ela é rosto, alma e coração do novo PSDB.”

Doria ressaltou que não fez convite à deputada, pois isso cabe ao presidente do partido, Bruno Araújo (PE), informa o jornal Folha.

A parlamentar entrou na mira de caciques do PDT por ter votado a favor do texto-base da reforma da Previdência na última quarta-feira (10).

Principal líder da sigla, o ex-governador do Ceará, Ciro Gomes, defendeu sua expulsão imediata:

“Não acho, francamente, que ela tenha mais lugar para ficar no PDT. Acho que ela deveria sair, assim como os outros deputados do partido que votaram a favor da reforma também.”

Nesta quinta-feira (11), o PDT voltou atrás em sua promessa de expulsão de integrantes que votaram a favor da Previdência.

Os dirigentes do partido, no entanto, avaliam que é necessário a abertura de um processo disciplinar “para dar exemplo”, mas que a expulsão da sigla não seria de interesse da legenda.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email