- PUBLICIDADE -

Johnson rejeita pedido para referendo de independência da Escócia

Boris Johnson propõe eleições gerais no Reino Unido em dezembro
- PUBLICIDADE -

“É hora de todos nós trabalharmos para unir todo o Reino Unido”, afirmou o premiê britânico.

Boris Johnson, primeiro-ministro do Reino Unido, recusou, nesta terça-feira (14), o pedido de Nicola Sturgeon, premiê da Escócia, para receber poderes para convocar outro referendo de independência.

Nas atuais circunstâncias, um referendo não pode ocorrer sem o consentimento do governo britânico.

Sturgeon escreveu a Johnson no mês de dezembro. Ela pediu o início das negociações ou a transferência do poder de convocar um referendo de Londres para Edimburgo, informa o portal Terra.

“Não posso concordar com nenhum pedido de transferência de poder que levaria a novos referendos de independência” escreveu Johnson em uma carta que publicou no Twitter.

“Outro referendo de independência continuaria a estagnação política que a Escócia viu na última década… é hora de todos nós trabalharmos para unir todo o Reino Unido”, acrescentou.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -