Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Jornalista acusa hospital Albert Einstein de mentir sobre saúde de Bolsonaro

Jornalista acusa hospital Albert Einstein de mentir sobre saúde Bolsonaro
COMPARTILHE

Enquanto Jair Bolsonaro apresenta melhora no quadro de saúde, a jornalista Patrícia Lelis segue compartilhando teorias da conspiração e questionando a idoneidade do Albert Einstein.

A jornalista Patrícia Lelis, que se descreve como “socialista, defensora da igualdade de gêneros e classes, acusou o Hospital Israelita Albert Einstein de conspirar junto com o presidente Jair Bolsonaro para esconder o diagnóstico de um “câncer de estômago”.

“Uma informação de uma pessoa de dentro do Hospital Albert Einstein afirma com toda certeza que a cirurgia de Bolsonaro não foi sobre a facada mas sim sobre um câncer no estômago”, diz Patrícia, que tem a conta verificada pela rede social Twitter.

Segundo a jornalista, a fonte da sua informação é uma enfermeira que trabalha na ala onde está internado há 12 dias o Presidente da República.

Enquanto isso, o estado de saúde de Bolsonaro melhorou bastante nas últimas horas. Após muitos dias apenas bebendo água, o presidente chegou a ingerir uma gelatina, conforme noticiou a RENOVA.

Patrícia também é responsável por processar o deputado federal e filho do Presidente, Eduardo Bolsonaro, por supostas ameaças contra sua vida em aplicativo de mensagem.

Dois dias atrás, segundo O Antagonista, a defesa de Eduardo pediu ao STF o arquivamento da denúncia. Na resposta à acusação, os advogados disseram que ela tem uma “carreira de denunciante” e opera uma “indústria extorsionária”.

Na resposta à denúncia, a defesa de Eduardo diz que Lélis já procedeu de forma semelhante ao acusar outras pessoas, com “diálogos fictícios, ardilosamente inventados, roteirizados, montados e produzidos pela própria pretensa vítima, por meio de manipulação digital”.

“Tais mensagens jamais foram enviadas pelo respondente — que, a propósito, nunca teve qualquer relacionamento pessoal com Patrícia –, constituindo o conjunto delas, isso sim, uma montagem ficcional construída pela própria suposta ofendida, com sabe-se lá qual propósito, por meio de uma singela manipulação digital”, acrescentou a defesa.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários