Português   English   Español

Jovens cristãs do Paquistão traficadas para se casarem na China

Jovens cristãs do Paquistão traficadas para se casarem na China
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O esquema de tráfico humano se apoia até mesmo em igrejas evangélicas locais para encontrarem potenciais noivas.


Em um esquema que ganhou força nos últimos meses, centenas de jovens da pequena comunidade cristã do Paquistão têm sido vendidas pelo tráfico de noivas para a China.

A empobrecida comunidade cristã tem sido alvo desse agressivo mercado do casamento para chineses, denunciado por ativistas e funcionários do governo.

Mediadores oferecem a pobres e desesperados pais paquistaneses cristãos milhares de dólares para entregarem suas meninas para casamentos com homens chineses.

Os traficantes são ajudados por pastores cristãos pagos para pregar em suas congregações promessas de grande riqueza em troca das jovens mulheres, informa a Gazeta do Povo.

Uma vez na China, as garotas se veem isoladas em regiões rurais, vulneráveis a abusos, sem condições de se comunicar e dependentes de um aplicativo tradutor até mesmo para conseguir uma garrafa de água.

Apresentados como ricos chineses convertidos ao cristianismo, os noivos revelam ser nem um nem outro, de acordo com várias dessas noivas, seus parentes, ativistas, pastores e funcionários do governo que conversaram com a agência Associated Press.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...