Juiz de Honduras prende políticos antes de julgamento por corrupção

Um juiz de Honduras determinou a prisão de três parlamentares, um vice-ministro de governo e ao menos outras 12 pessoas que aguardam julgamento devido a alegações de que desviaram 12 milhões de dólares de dinheiro público para campanhas políticas.

Os fundos foram supostamente usados na campanha do presidente Juan Orlando Hernández em 2013 para pagar dívidas do opositor Partido Liberal e para financiar outras campanhas.

As informações foram divulgadas pela investigação da missão anticorrupção da Organização dos Estados Americanos (OEA) e de procuradores públicos.

Dias atrás, um juiz emitiu um mandado de prisão para 37 pessoas ligadas ao caso, conhecido como “Pandora”, relacionado ao desvio de fundos públicos de projetos agrícolas para campanhas cinco anos atrás.

Entre as 19 pessoas postas em detenção pré-julgamento estão três representantes do governista Partido Nacional no Congresso hondurenho e um subsecretário do governo atual.

 

Com informações da Reuters Brasil
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia