Justiça bloqueia bens do ex-prefeito do Rio Eduardo Paes

Idiomas:

Português   English   Español
Justiça bloqueia bens do ex-prefeito do Rio Eduardo Paes
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Juíza federal do Rio de Janeiro determinou o congelamento de até R$ 7,43 milhões de Eduardo Paes e de mais seis pessoas investigadas por fraude em licitação.

A juíza Ana Helena Mota Lima Valle, da 26ª Vara Criminal do Rio de Janeiro, aceitou na terça-feira (22) denúncia oferecida pelo Ministério Público contra o ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM).

Além de Paes, o ex-secretário municipal de Saúde, Hans Dohmann, e outras cinco pessoas também foram denunciados por suspeita de fraude em licitação em 2013.

A Justiça do Rio de Janeiro também determinou, de modo cautelar, o bloqueio de bens no valor de até R$ 7,43 milhões dos denunciados.

Os sete foram denunciados por fraude em licitação para serviços de emergência médica durante a Jornada Mundial da Juventude, que trouxe o Papa Francisco ao Rio de Janeiro, em 2013, informa o “R7“.

Segundo a denúncia do MP, houve “conluio entre todos os denunciados” para que as empresas Vida Emergências Médicas e Savior Medical Service ganhassem uma licitação no valor de R$ 8 milhões.

Newsletter RENOVA

Receba diariamente as principais notícias do Brasil e do Mundo.

Curta e compartilhe esta notícia

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário

Veja outras notícias em destaque