Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Justiça proíbe protestos na Paraíba contra ações de isolamento social

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Justica proibe protestos na Paraiba contra acoes de isolamento social
Imagem: Walter Paparazzo/G1/Arquivo

Apesar de a Constituição Federal garantir o direito de reunião das pessoas, a juíza entendeu que a conjuntura atual permite a decisão.

Uma decisão do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJ-PB) proíbe manifestações públicas com aglomerações de pessoas que sejam contrárias às medidas de isolamento social. 

As medidas restritivas foram decretadas pelos governos estadual e municipal para tentar conter a pandemia de coronavírus.

Caso haja descumprimento, os responsáveis pelos protestos devem pagar uma multa de R$ 10 mil para cada integrante.

A juíza Flávia da Costa Lins explicou que, apesar de a Constituição Federal de 1988 garantir o direito de reunião das pessoas (CF, art. 5º, XVI), a conjuntura atual permite¹ a decisão:

“No caso, da pandemia do coronavírus, permite a relativização do exercício daquele direito, a fim de proteger outro direito fundamental, o direito à saúde, visto que nenhum direito é, em regra, absoluto.”

A decisão foi proferida vistado o impedimento de um protesto que estava marcado para esta quarta-feira (20) contra o isolamento social. 

Dessa forma, agora estão proibidas² carreatas, passeatas ou qualquer tipo de aglomeração de pessoas promovidas por manifestantes.

Referências: [1][2]

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Comentários

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Outras Notícias