Kim quer produção em massa de ogivas nucleares e mísseis balísticos

Idiomas:

Português   English   Español
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Apesar das múltiplas sanções da ONU e da forte retórica de Trump, Coreia do Norte intensificou em 2017 seus programas nuclear e balístico.


O ditador da Coreia do Norte pediu nesta segunda-feira (1/1) a seu país que aumente a produção de ogivas nucleares e mísseis, em uma mensagem de Ano Novo em que demonstrou sua vontade de cumprir suas ambições militares.

Kim Jong-un, que supervisionou vários testes de mísseis intercontinentais (ICBM) em 2017, afirmou que seu país era capaz de atingir o território continental dos Estados Unidos e se transformou em um Estado nuclear.

Em seu primeiro discurso de 2018, o ditador manteve a retórica ameaçadora:

A Coreia do Norte pode enfrentar qualquer ameaça nuclear dos Estados Unidos, dispõe de uma [força de] dissuasão forte e capaz de impedir que os Estados Unidos brinque com o fogo.  O botão nuclear sempre está na minha mesa. Não é chantagem, e sim a realidade.

 

Com informações de: (1)

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Veja também...