Português   English   Español

Laudo psiquiátrico aponta insanidade mental de Adélio Bispo

O laudo psiquiátrico encomendado pela defesa do esfaqueador do presidenciável Jair Bolsonaro (PSL), Adélio Bispo, indica um quadro de insanidade mental.

O documento vai ser apresentado nesta segunda-feira (01) à Justiça Federal, junto com um pedido de redução de pena, segundo informações da rádio CBN.

Em entrevista, a defesa de Adélio Bispo de Oliveira alertou para o risco de o esfaqueador sofrer retaliação caso seja solto.

“Se o Adélio for solto, ele será assassinado. Tenho certeza”, disse Zanone Junior à CBN. Zanone é um dos renomados advogados que aceitaram defender o esfaqueador de Bolsonaro de forma gratuita.

Na última semana, investigadores da Polícia Federal concluíram um inquérito inicial onde foi constatado que Adélio agiu sozinho.

O candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, questionou o resultado da investigação e apontou a conexão do delegado da PF com o governador mineiro Fernando Pimentel (PT).

Deixe seu comentário

Veja também...