Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Lava Jato critica permissão para Lula ser entrevistado na prisão

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Lava Jato critica permissão para Lula ser entrevistado na prisão
COMPARTILHE

Procuradores que integram a força-tarefa da Lava Jato criticaram a decisão do ministro Ricardo Lewandowski, do STF, que permitiu uma entrevista ex-presidente Lula à Folha de dentro da prisão.

A decisão do ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), de autorizar uma entrevista do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) de dentro da prisão não repercutiu bem entre integrantes da operação Lava Jato.

O procurador do Ministério Público Federal (MPF) Carlos Fernando Lima, que está de saída da força-tarefa, foi ao Facebook para dizer que a decisão do ministro está errada.

Ele ganhou o apoio de Deltan Dallagnol, procurador federal e chefe da força-tarefa da operação. Os dois ainda criticaram as decisões monocráticas tomadas pelos ministros da Corte.

Lewandowski atendeu a uma reclamação da jornalista Mônica Bergamo e do jornal Folha de S.Paulo e entendeu que a decisão da juíza Carolina Lebbos, da 12ª Vara Federal de Curitiba, de negar o acesso da imprensa a Lula, seria um tipo de censura prévia ao trabalho jornalístico.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo
- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram