Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Lava Jato denuncia dono do grupo Petrópolis por lavagem de dinheiro

Lava Jato denuncia dono do grupo Petrópolis por lavagem de dinheiro
COMPARTILHE

O Grupo Petrópolis é uma das maiores fabricantes de cerveja do país.

A força-tarefa do Ministério Público Federal (MPF) na operação Lava Jato, no Paraná, denunciou o empresário Walter Faria, dono do Grupo Petrópolis, por 642 atos de lavagem de dinheiro, 

Segundo informações da Promotoria, publicadas na última sexta-feira (13), a Justiça concedeu liberdade ao empresário nesta semana, por meio da habeas corpus, mediante fiança de R$ 40 milhões.

A lavagem de dinheiro teria ocorrido em conjunto com outras 22 pessoas vinculadas ao grupo Petrópolis, ao Antígua Overseas Bank e ao departamento de Operações Estruturadas do grupo Odebrecht, informa o portal R7.

Em valores correntes, o esquema movimentou R$ 1,1 bilhão que foram lavados em favor da Odebrecht, entre 2006 e 2014, segundo dados do MPF.

A denúncia é fruto da 62ª fase da operação Lava Jato, deflagrada em 31 de julho, que apurou o envolvimento de executivos do grupo Petrópolis na lavagem de dinheiro desviado de contratos públicos, especialmente da Petrobras, pela Odebrecht.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários