Português   English   Español
Português   English   Español

Lava Jato diz que Temer chefia organização criminosa há 40 anos

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Lava Jato diz que Temer chefia organização criminosa há 40 anos

A prisão teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix, que disse ter pago R$ 1 milhão em propina.

Investigação da Lava Jato no Rio de Janeiro apontou o ex-presidente da República, Michel Temer, como chefe de uma organização criminosa que atua há 40 anos no Rio de Janeiro.

Temer foi preso em São Paulo na manhã desta quinta-feira (21) por agentes federais do Rio, que também prenderam o ex-ministro de Minas e Energia, Moreira Franco. A PF cumpre mandados contra mais seis pessoas, entre elas empresários.

A prisão teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix, informa o G1.

O empresário disse à Polícia Federal que pagou R$ 1 milhão em propina, a pedido do coronel João Baptista Lima Filho, do ex-ministro Moreira Franco e com o conhecimento do então presidente Temer

Michel Temer (MDB) foi o 37º presidente da República do Brasil. Ele assumiu o cargo em 31 de agosto de 2016, após o impeachment da petista Dilma Rousseff, e ficou até o final do mandato, no fim de 2018.

Compartilhe...

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email

Veja também_

TELEGRAM

Acompanhe todas as notícias através do nosso canal no Telegram.

Newsletter

Inscreva seu email na RENOVA para receber atualizações diárias com as últimas notícias do Brasil e do mundo.

Nome:

Email:

Fique tranquilo(a), assim como você também odiamos spam, você poderá sair quando quiser :)

Comentários_

A RENOVA Mídia não se responsabiliza pelo conteúdo, opiniões e comentários dos visitantes do site. NÃO publique ofensas, discordar não é ofender. Caso encontre algum material com ofensas, denuncie. Lembre-se que ao comentar em nosso portal você concorda com estes Termos de Uso.

Nunca mais seja massa de manobra. Assine!