Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Lava Jato quer 80 anos de prisão para Paulo Preto

Lava Jato quer 80 anos de prisão para Paulo Preto
COMPARTILHE

A força-tarefa da Operação Lava Jato, em São Paulo, pediu à Justiça uma pena de mais de 80 anos de prisão para Paulo Vieira de Souza, vulgo Paulo Preto, ex-diretor da Dersa.

Em alegações finais entregues à Justiça, a Procuradoria da República requereu pena máxima para Paulo Preto em ação que apura desvios de R$ 7,7 milhões das obras do trecho sul do Rodoanel e da ampliação da avenida Jacu Pêssego e ainda a condenação de outros réus.

A Procuradoria da República quer um aumento na pena de Paulo Preto em um terço pelo fato de o ex-diretor ter ocupado cargo de direção na Dersa.

Nos memoriais, segundo o Estadão, a Lava Jato afirma que Paulo Vieira de Souza era o “líder do esquema”.

O ex-diretor da Dersa é acusado pelos crimes de peculato (desvio de recursos públicos), inserção de dados falsos em sistema de informação e formação de quadrilha.

As alegações finais do Ministério Público Federal foram entregues à juíza federal titular da 5ª Vara Federal Criminal de São Paulo, Maria Isabel do Prado, que abriu prazo para as defesas apresentarem seus memoriais.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE