Le Pen atribui assédio sexual na França à imigração ilegal

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Marine Le Pen, candidata derrotada nas eleições presidenciais de 2017 e presidente do partido de direita Frente Nacional, atribuiu nesta segunda-feira (15/01) o assédio sexual nas ruas do país aos imigrantes ilegais que conduziram à França uma cultura de desrespeito contra as mulheres.

De acordo com informações do BOL, Marine Le Pen disse em conferência de imprensa para apresentar seus planos para 2018:

Os assediadores nas ruas são na maioria cidadãos imigrantes que importam um cultura de não respeito com as mulheres, de submissão e inclusive, por parte de muitos, de desprezo com as francesas.

No entanto, ela evitou entrar na questão envolvendo a onda de denúncias sexuais em Hollywood e o manifesto das intelectuais francesas, Le Pen apenas disse que ambos os lados têm parte da razão.

‘O assédio é uma realidade sobretudo quando provém de parte de gente com poder, principalmente hierárquico, mas corresponde à justiça se ocupar disso’, concluiu a líder direitista francesa.

Twitter
Facebook
Google+
LinkedIn
Pinterest

Isso também pode te interessar

Deixe seu comentário

Anunciante
e-consulters
Parceiro

Assine nossa Newsletter!

Preencha o formulário para assinar.

Nome Email
newsletter

Últimas publicações