- PUBLICIDADE -

LeBron James ataca Trump e afaga Obama

- PUBLICIDADE -

O astro do basquete LeBron James acusou nesta terça-feira (31) o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de usar o esporte para dividir as pessoas do país em função de suas cores de pele.

“Penso que nosso presidente tenta nos dividir”, disse o novo jogador dos Los Angeles Lakers em entrevista à CNN.

“Isto é algo que não consigo entender, porque sei que foi pelo esporte que estive perto de um branco pela primeira vez”, disse LeBron James, 33 anos, nativo de Akron, cidade operária de Ohio ao norte do país.

Durante quase um ano, Donald Trump criticou jogadores de futebol americano que desrespeitaram a pátria durante a execução do hino nacional para protestar contra a violência policial.

Em maio, o presidente dos Estados Unidos chegou a dizer que estes atletas “talvez não devessem estar no país”.

LeBron James, jogador mais midiático da NBA, é um feroz oponente de Trump.

Ao ser perguntado sobre o que diria se sentasse diante do presidente, James foi enfático: “nunca me sentaria na frente dele”.

“Por outro lado, sim que me sentaria diante de Barack”, acrescentou sobre o ex-presidente democrata Barack Obama, cujas campanhas apoiou em 2008 e 2012.

 

Adaptado da fonte Isto É
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -