Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch
Português  English  Español  Italiano  Français  Deutsch

Léo Pinheiro deixa prisão em Curitiba após 3 anos

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Léo Pinheiro deixa prisão em Curitiba após 3 anos

Léo Pinheiro cumprirá o restante da pena em casa com uso de tornozeleira eletrônica.

O ex-presidente da OAS, Léo Pinheiro, deixou, nesta terça-feira (17), a carceragem da Polícia Federal (PF) em Curitiba após três anos de prisão.

O empreiteiro teve sua prisão convertida em domiciliar após ter o acordo de delação premiada homologado pelo ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Edson Fachin.

Na ocasião, o magistrado também arquivou trechos da delação em que o empreiteiro citava o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e um irmão do ministro Dias Toffoli, o ex-prefeito de Marília (SP), Ticiano Toffoli.

Os depoimentos dados por Léo Pinheiro à Operação Lava Jato foram fundamentais para a condenação do ex-presidente Lula da Silva no processo envolvendo o caso do tríplex no Guarujá (SP).

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email