- PUBLICIDADE -

Líder de governo na Câmara quer nova Constituição

Ricardo Barros entra na disputa pelo comando da Câmara

"Eu pessoalmente defendo nova assembleia nacional constituinte", diz deputado.

- PUBLICIDADE -

O deputado federal Ricardo Barros (PP), líder do governo na Câmara, defendeu a realização de um plebiscito para que o Brasil decida sobre a elaboração de uma nova Constituição.

Durante discurso em evento chamado “Um dia pela democracia”, nesta segunda-feira (26), Barros argumentou que a Carta Magna transformou o Brasil em um “País ingovernável”:

“Eu pessoalmente defendo nova assembleia nacional constituinte, acho que devemos fazer um plebiscito, como fez o Chile, para que possamos refazer a Carta Magna e escrever muitas vezes nela a palavra deveres, porque a nossa carta só tem direitos e é preciso que o cidadão tenha deveres com a Nação.”

Barros acrescentou:

“A nossa Constituição, a Constituição cidadã, o presidente Sarney já dizia quando a sancionou, que tornaria o país ingovernável, e o dia chegou, temos um sistema ingovernável, estamos há seis anos com déficit fiscal primário, ou seja, arrecadamos menos do que gastamos, não temos capacidade mais de aumentar a carga tributária, porque o contribuinte não suporta mais do que 35% da carga tributária, e não demos conta de entregar todos os direitos que a Constituição decidiu em favor de nossos cidadãos.”

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -