Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Líder opositor russo mentiu sobre envenenamento

Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia
Líder opositor russo mentiu sobre envenenamento

“As análises realizadas não constataram restos de substâncias tóxicas”, informou hospital em Moscou.

Os exames médicos realizados no líder opositor russo, Alexei Navalny, não revelaram a presença de substâncias químicas em seu organismo.

A informação foi confirmada nesta quarta-feira (31) por Alexey Tokarev, diretor do hospital Sklifosofski de Moscou.

Em um comunicado à imprensa, segundo a agência EFE, Tokarev declarou:

“O material biológico extraído do paciente Alexei Navalny foi levado ao principal laboratório químico-toxicológico do Instituto de Urgências Sklifosofski do Hospital 64 da cidade. As análises realizadas não constataram restos de substâncias tóxicas.”

Horas antes, os defensores de direitos humanos também confirmaram que o líder opositor russo, que sofreu uma “reação alérgica aguda” na prisão no último dia 28, “está muito melhor”.

Navalny foi internado no domingo em um hospital, onde foi diagnosticado com “dermatite de contato”.

Sua médica pessoal, Anastasia Vasilieva, afirmou que o político tinha sido intoxicado com uma “substância química” não estabelecida.

Compartilhe

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email