- PUBLICIDADE -

Líderes do Líbano receberam aviso sobre explosivos no porto

Líderes do Líbano receberam aviso sobre explosivos no porto

Representante do governo, que renunciou na segunda-feira, confirmou a informação da Reuters.

- PUBLICIDADE -

Autoridades de segurança do Líbano alertaram o então primeiro-ministro Hassan Diab e o presidente Michel Aoun, em 20 de julho, que 2.750 toneladas de nitrato de amônio armazenados no porto de Beirute poderiam destruir a capital do país.

A informação está presente em documentos vistos pela agência Reuters.

Pouco mais de duas semanas depois, os produtos químicos industriais causaram uma enorme explosão que destruiu quase todo o porto e faixas da capital, matando pelo menos 163 pessoas e ferindo outras milhares.

Cerca de 6 mil prédios ficaram completamente destruídos com a onda de choque da explosão, segundo autoridades municipais.

Um representante de Diab, cujo governo renunciou na segunda-feira (10), disse que o premiê recebeu a carta e a enviou ao Conselho Supremo de Defesa para aconselhamentos dentro de 48 horas. 

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -