Lira admite ‘poucas chances de aprovação’ do voto impresso

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

“Quem for vencido tem que serenar”, diz o deputado do PP.

O presidente da Câmara, deputado Arthur Lira (PP-AL), afirmou que pretende pautar a votação da PEC do Voto Impresso em plenário ainda nesta semana.

Em entrevista à Rádio CBN, nesta segunda-feira (9), Lira declarou:

“Temos uma semana intensa, com reforma tributária, a pauta da cassação ou não da deputada Flordelis, outras matérias importantes… Mas esse assunto [voto verificável] chegou ao limite. As instituições precisam serenar, ter um autocontrole, um comedimento. Temos que saber dos nossos limites.”

Questionado sobre as possibilidades de aprovação ou rejeição da proposta pelo plenário da Casa, Lira disse que “é difícil fazer análise sobre hipótese”:

“O que eu acho que nós temos que ter neste momento é o compromisso com o respeito ao resultado. Temos uma PEC dessa, aprovada na Câmara, desde 2015 no Senado, e o Senado não quis se debruçar sobre esse assunto.”

O presidente da Câmara completou:

“Temos hoje uma média de 15 a 16 partidos contra o voto impresso ou auditável na Câmara. Com essa perspectiva, penso que as chances de aprovação podem ser poucas. Neste caso, quem for vencido tem que serenar.”

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email

Newsletter

Receba as principais notícias do dia, assine nossa newsletter gratuita.