Lula de olho nos bilhões do fundo anticorrupção da Lava Jato

Idiomas:

Português   English   Español
Lula de olho nos bilhões do fundo anticorrupção da Lava Jato
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

O presidiário Lula da Silva quer informações sobre os R$ 2,5 bilhões depositados pela Petrobras em um fundo anticorrupção da Lava Jato criado em cumprimento ao acordo firmado entre o MPF e o Departamento de Justiça dos EUA.


A defesa do presidiário Lula da Silva pediu nesta sexta-feira (8) ao juiz federal Luiz Antonio Bonat, da Operação Lava Jato, acesso ao acordo bilionário.

A negociação firmada entre o Ministério Público Federal, a Petrobrás e o Departamento de Justiça dos Estados Unidos resultou na criação de um fundo anticorrupção administrado pela Lava Jato.

A estatal depositou R$ 2.567.756.592,00 em conta vinculada à 13ª Vara Federal de Curitiba, em cumprimento ao acordo feito com os procuradores.

O requerimento de Lula foi anexado ao processo sobre supostas propinas da Odebrecht. Os defensores de Lula afirmaram ao novo juiz da Lava Jato que há contradição no acordo, registra o jornalista Fausto Macedo.

Os procuradores da Lava Jato afirmam que as vantagens indevidas incluiriam um terreno para abrigar o Instituto Lula e um apartamento em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo.

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...