Lula mente para a Justiça e é condenado mais uma vez

Idiomas:

Português   English   Español
Lula mente para a Justiça e é condenado mais uma vez
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Petista não disse a verdade ao tentar remover a interdição em uma propriedade onde está construindo uma “unidade residencial para lazer”. Cabe recurso.


O ex-presidente Lula foi condenado por litigância de má-fé, acusado de tentar enganar a Justiça no processo que envolve uma propriedade do petista na área rural do município de São Bernardo do Campo.

O caso foi julgado pelo juiz da 1ª. Vara da Fazenda Pública, José Carlos de França Carvalho Neto. Ainda cabe recurso.

Durante obras nesse terreno, para a construção de uma “unidade residencial para lazer”, houve a movimentação de 1.358 m2 de terra, não prevista nos documentos apresentados pelo petista à Prefeitura.

A Secretaria de Meio Ambiente e Proteção Animal, então, interditou a propriedade, até que fossem aprovados o projeto e plantas e obtidos o alvará ambiental e de construção.

O problema é que Lula, ao fazer o pedido à Prefeitura, tinha assegurado que as obras não demandariam qualquer movimentação de terra.

Em sua decisão, o juiz escreveu:

É certo que não houve autorização para movimentação de terra, sendo que por se tratar de questão envolvendo matéria ambiental, toda e qualquer iniciativa deve ser precedida de expressa autorização, única forma de resguardar efetivamente os interesses envolvidos.

 

Adaptado da fonte Gazeta do Povo

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...