Maconha é regularizada em ritmo acelerado nos Estados Unidos

Após passar pela Holanda, Uruguai e Canadá, a onda de aceitação da cannabis atinge também os Estados Unidos, a nação que comandou o combate à maconha no século 20.

Primeiro, os números de 2018: mais da metade dos cidadãos dos Estados Unidos já têm acesso à maconha de forma regularizada, para fins medicinais ou mesmo recreativos.

Atualmente, dez estados – incluindo o Distrito de Colúmbia, da capital Washington – permitem o uso da maconha, o que coloca a erva no mesmo status de outras drogas permitidas no país.

Entre esses estados, está o maior de todos, a Califórnia, que concentra 12% da população.

Outros 20 locais, incluindo Nova York, Flórida, Pensilvânia e Illinois, já regularizaram a maconha estritamente para fins medicinais.

A soma desses 30 estados representa 62% da população do país.

 

Adaptado da fonte UOL
Tarciso Morais
Tarciso Morais
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia