Macron aberto ao diálogo mas não recuará da ‘agenda verde’

Macron aberto ao diálogo mas não recuará da 'agenda verde'