Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Macron discute com policiais de Israel em Jerusalém

Macron discute com policiais de Israel em Jerusalém
Imagem: Reprodução/RT
COMPARTILHE

Macron atravessou a Cidade Velha de Jerusalém, conversando com lojistas e fazendo uma parada na Igreja do Santo Sepulcro.

Emmanuel Macron, presidente da França, levantou a voz, nesta quarta-feira (22), com policiais de Israel.

Os oficiais israelenses que faziam a segurança de Macron durante sua visita à Cidade Velha de Jerusalém quiseram acompanhá-lo na igreja de Santa Ana de Jerusalém.

O tempo religioso é uma propriedade da França localizada em território israelense.

Macron começou a gritar, dizendo que a igreja pertence à França e que os seguranças israelenses não entrariam.

Falando em inglês, Macron gritou para um policial que estava à sua frente:

“Não gosto do que você fez na minha frente. Por favor, vá para fora, ninguém tem que provocar ninguém, entendido?”

Segundo o jornal Folha, o mandatário francês continuou:

“Ficamos calmos, tivemos um ótimo passeio, vocês fizeram um ótimo trabalho na cidade e eu aprecio isso, mas por favor respeitem as regras estabelecidas há séculos, elas não vão mudar comigo, eu posso dizer isso. Aqui é a França e todos sabem as regas.”

A igreja de Santa Ana, construída no século 12, foi um presente dos otomanos para o imperador Napoleão 3º em 1856. O país ainda é dono de outros três territórios em Jerusalém.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários