Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Macron promete agir contra protestos dos ‘coletes amarelos’

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Macron promete agir contra protestos dos 'coletes amarelos'
COMPARTILHE

Pelo terceiro final de semana seguido, protestos dos coletes amarelos transformaram Paris em um campo de guerra.

O presidente francês, Emmanuel Macron, disse neste sábado (1º) que jamais aceitará a violência.

A declaração foi uma resposta ao protesto do movimento dos “coletes amarelos”, que causou danos significativos em Paris.

Em entrevista durante a reunião de cúpula do G20, Macron declarou:

Nenhuma causa justifica que as forças de ordem sejam atacadas, que lojas sejam saqueadas, que pedestres ou jornalistas sejam ameaçados, que o Arco do Triunfo seja sujo.

E acrescentou:

Os responsáveis por esta violência não querem mudanças, não querem melhorar nada, querem o caos. Traem as causas a que pretendem servir e que manipulam. Serão identificados e responsabilizados por seus atos ante a Justiça.

O presidente da França convocou uma “reunião interministerial” com os serviços competentes para a próxima segunda-feira, quando estará de volta a Paris, informa o UOL.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram