Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Macron trata Brasil como ‘terra de ninguém’, diz Bolsonaro

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Macron trata Brasil como 'terra de ninguém', diz Bolsonaro
COMPARTILHE

“Não podemos aceitar que um presidente, Macron, dispare ataques descabidos e gratuitos à Amazônia”, afirmou Bolsonaro.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, rebateu os ataques recentes do seu homólogo francês, Emmanuel Macron, em mensagens publicadas na rede social Twitter na manhã desta segunda-feira (26).

As palavras duras do chefe de Estado brasileiro são respostas aos novos comentários de Macron sobre as queimadas na Amazônia, proferidos durante o último dia da cúpula do G7, em Biarritz.

“Não podemos aceitar que um presidente, Macron, dispare ataques descabidos e gratuitos à Amazônia, nem que disfarce suas intenções atrás da ideia de uma ‘aliança’ dos países do G-7 para ‘salvar a Amazônia, como se fôssemos uma colônia ou uma terra de ninguém”, escreveu Bolsonaro.

Horas antes, o governo da França disse que o G7 havia concordado em enviar aviões Canadair de combate a incêndios e adotar uma assistência de médio prazo para o reflorestamento, mas o Brasil teria que concordar em trabalhar com ONGs e populações locais.

“Outros chefes de estado se solidarizaram com o Brasil, afinal respeito à soberania de qualquer país é o mínimo que se pode esperar num mundo civilizado”, acrescentou o presidente brasileiro na rede social.

Neste domingo (24), o governo de Israel ofereceu apoio a Bolsonaro para contribuir nos esforços das Forças Armadas no combate aos incêndios na Floresta Amazônica.

“Aceitamos o envio, por parte de Israel, de aeronave com apoio especializado para colaborar conosco nessa operação”, escreveu o chefe de Estado do Brasil também no Twitter..

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM