Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Maduro classifica reunião entre Duque e Trump como ‘festa de ódio’

Maduro classifica reunião entre Duque e Trump com 'festa de ódio'
COMPARTILHE

Os presidentes da Colômbia e dos Estados Unidos, Iván Duque e Donald Trump, se reuniram na Casa Branca nesta quarta-feira (13).

Nicolás Maduro não ficou nada satisfeito com o encontro entre os dois líderes. Segundo o ditador da Venezuela, a reunião foi uma “festa de ódio” contra seu país.

Em discurso na televisão estatal, Maduro afirmou:

“Hoje o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se reuniu com o senhor Iván Duque da Colômbia como em uma festa de ódio. Seus olhos, postura, palavras e declarações são uma festa de ódio contra a Venezuela, declarando de maneira vulgar, fazendo anúncios de maneira enlouquecida.”

No início de seu encontro com o presidente Iván Duque, o líder dos Estados Unidos lamentou a “triste” situação na Venezuela.

Donald Trump disse que tinha “um plano B, C, D, E, e F” para resolvê-la, enquanto o presidente da Colômbia insistiu na necessidade de manter a pressão sobre o governante socialista.

O ditador venezuelano descreveu como “ruins” as declarações de Duque e Trump e criticou que eles discutam a Venezuela “em vez de falar sobre a cocaína que é produzida na Colômbia”, registra a agência AFP.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE