Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Maduro diz que aceitaria reunião com Trump

Tarciso Morais

Tarciso Morais

COMPARTILHE

“Da mesma maneira como falei com Biden, posso falar com Trump”, disse Maduro.

Nicolás Maduro, ditador da Venezuela, afirmou, nesta segunda-feira (22), que aceitaria o convite para uma conversa com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, desde que houvesse “respeito” durante o diálogo.

Em entrevista à emissora estatal, Maduro declarou:

“Minha resposta é que, assim como me reuni com [Joe] Biden e conversamos longamente e de maneira respeitosa, o que foi registrado naquele momento, também no momento que seja necessário estou disposto a conversar respeitosamente com o presidente Donald Trump.”

Maduro se encontrou com o democrata Joe Biden, então vice-presidente dos EUA, em 2015, no Brasil, durante a posse da ex-presidente Dilma Rousseff (PT).

Ontem, o presidente norte-americano afirmou que a única chance de encontrar-se com Maduro é para organizar uma saída pacífica do comunista do poder.

“Eu só me encontraria com Maduro para discutir uma coisa: uma saída pacífica do poder!”, disse Trump. 

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.