- PUBLICIDADE -

Maduro diz que envolvidos em “atentado” foram treinados na Colômbia

- PUBLICIDADE -

O ditador da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesta terça-feira (7) que os autores do suposto atentado do último sábado em Caracas, capital do país, foram treinados na Colômbia.

Maduro também acusou alguns de seus opositores políticos de estarem envolvidos no ataque.

Em discurso transmitido em rede nacional de rádio e televisão, o ditador declarou:

Terroristas treinados em Norte de Santander, na cidade de Chinácota, como declararam os presos. (…) Sabemos o lugar onde esses grupos foram treinados.

Segundo Nicolás Maduro, os acusados pelo ataque receberam ordens de utilizar drones carregados de explosivos.

Os alvos seriam o próprio Maduro e lideranças políticas e militares que o acompanhavam na cerimônia de comemoração do 81ª aniversário da Guarda Nacional Bolivariana (GNB).

 

Adaptado da fonte EFE
PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -