- PUBLICIDADE -

Maduro enviará 150 mil militares para fronteira com Colômbia

Maduro enviará 150 mil militares para fronteira com Colômbia
- PUBLICIDADE -

Tensão entre Venezuela e Colômbia ocorre desde fevereiro. Duque acusa Maduro de abrigar guerrilheiros das FARC.

A ditadura da Venezuela mobilizará cerca de 150 mil homens para as manobras militares na fronteira com a Colômbia.

Iniciados nesta terça-feira (10) os exercícios militares marcam a crescente tensão entre Caracas e Bogotá.

Tanques, blindados com mísseis e dezenas de soldados já passaram pelo aeroporto de La Fría, no estado de Táchira.

As manobras na fronteira de 2.200 km com a Colômbia, ordenadas pelo ditador Nicolás Maduro após denunciar um complô colombiano visando um “conflito militar”, prosseguirão até o dia 28 de setembro, informa o jornal Correio Braziliense.

“A Força Armada Nacional Bolivariana (FANB) é uma força de paz (…). Respeitamos as forças armadas de todo o mundo, mas não temos medo de ninguém”, disse o chefe do Comando Estratégico Operacional da Venezuela, almirante Remigio Ceballos.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -