Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Maduro expulsa embaixadora europeia da Venezuela

Jornalista da Polônia espancado por forças de Nicolás Maduro
COMPARTILHE

Líder chavista acusou Bruxelas de “se ajoelhar” para o presidente dos Estados Unidos.

O ditador Nicolás Maduro decidiu expulsar, nesta segunda-feira (29), a embaixadora da União Europeia da Venezuela.

A decisão acontece após o bloco europeu anunciar sanções contra 11 funcionários do regime chavista por agirem contra os representantes eleitos democraticamente para a Assembleia Nacional.

Em cerimônia no Palácio de Miraflores, Maduro afirmou que deu prazo de três dias para que a diplomata Isabel Brilhante Pedrosa deixe o país: 

“Quem são eles para tentarem se impor através de ameaças? Já basta! Por isso, decidi dar 72 horas para que a embaixadora da União Europeia abandone nosso país.”

Maduro disse que as novas sanções revelam a “posição arrogante” do bloco europeu, que acusou de agir com “racismo” contra o país latino-americano.

Referências: [1]

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários

PUBLICIDADE