Maduro já matou 18 vezes mais que o regime militar brasileiro

Idiomas:

Português   English   Español
Maduro já matou 18 vezes mais que o regime militar brasileiro
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia.

Relatório da Anistia Internacional (AI) publicado na quinta-feira (20) afirmou que forças de segurança da ditadura socialista de Nicolás Maduro usam força letal com intenção de matar os setores da população mais vulneráveis e excluídos.


De acordo com o relatório da AI, o esquerdista Nicolás Maduro está criminalizando a pobreza na Venezuela.

Foram contabilizadas mais de 8.200 execuções extrajudiciais entre 2015 e junho de 2017 – número 18 vezes maior do que o de mortos e desaparecidos durante o regime militar no Brasil, de acordo relatório final da Comissão Nacional da Verdade (CNV).

Erika Guevara-Rosas, diretora para Américas da Anistia Internacional, afirmou:

A Venezuela está passando por uma das piores crises de direitos humanos em sua história. A lista de crimes sob o direito internacional contra a população está aumentando.

Em 2017, a taxa de homicídio foi de 89 por 100.000 habitantes, mais alta que em El Salvador (60) e três vezes mais alta que no Brasil (29,7), citando dados da fundação InSight Crime reportados pela Renova Mídia.

Adaptado da fonte Gazeta do Povo

Newsletter RENOVA

Receba gratuitamente as principais notícias do Brasil e do Mundo por email.

Curta e compartilhe...

Share on whatsapp
Share on telegram
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on reddit
Share on vk

Deixe seu comentário...

Veja também...