Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Maia autoriza suspensão de doze deputados do PSL por um ano

DEM articula fusão com ala do PSL a favor de Luciano Bivar
COMPARTILHE

A decisão foi publicada no Diário Oficial da Câmara. 12 parlamentares foram suspensos.

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), acolheu, nesta quarta-feira (4), pedido do partido Social Liberal (PSL) para suspender 12 deputados das funções partidárias pelo período de um ano. 

A decisão prevê que os parlamentares “ficam afastados de qualquer função de liderança e vice-liderança bem como ficam impedidos de orientar a bancada em nome do partido, representar a agremiação e de participar da escolha do líder da bancada durante o período de desligamento”.

Os deputados suspensos foram:

  1. Aline Sleutjes;
  2. Bibo Nunes;
  3. Carlos Roberto Coelho de Mattos Junior;
  4. Caroline De Toni ;
  5. Daniel Silveira;
  6. Elieser Girão Monteiro Filho;
  7. Filipe Barros;
  8. Junio Amaral;
  9. Hélio Lopes;
  10. Márcio Labre;
  11. Sanderson;
  12. Vitor Hugo de Araújo Almeida

Os deputados suspensos continuarão no exercício do mandato, mas não poderão mais ocupar cargos de liderança ou vice-liderança. Eles também perdem as prerrogativas junto à bancada e ao partido.

Em seu despacho, segundo o portal G1, Maia explica que cabe ao partido político estabelecer sanções disciplinares em seu estatuto e que, portanto, não compete à Câmara dos Deputados entrar no mérito da sanção.

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários