Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Maia diz que não é momento para aceitar pedido de impeachment

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Rodrigo Maia alerta para ‘tensão institucional’
Imagem: Luis Macedo/Câmara dos Deputados
COMPARTILHE

“A Câmara, sob minha presidência, deve tratar do que é importante neste momento”, diz Maia. 

Rodrigo Maia, presidente da Câmara dos Deputados, descartou, nesta segunda-feira (27), a aceitação de um dos quase 30 pedidos de impeachment contra o presidente da República, Jair Bolsonaro, em meio à pandemia do novo coronavírus.

Após quase dez dias sem dar declarações públicas, Maia disse que o “Parlamento não pode ser mais uma fonte de incertezas”.

Em entrevista coletiva ao chegar na Câmara, Maia declarou:

“É legítimo os parlamentares tentarem discutir CPI e outros instrumentos, mas a Câmara, sob minha presidência, deve tratar do que é importante neste momento.” 

E acrescentou:

“Devemos voltar para a agenda que preocupa a todos os brasileiros, que é o enfrentamento ao novo coronavírus. Não que os outros temas também não preocupem, mas precisam ter paciência para analisar a situação.”

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM