Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
- PUBLICIDADE -

Maia promete trabalhar contra imposto sobre transações digitais

“É uma tributação extra em relação à sociedade brasileira", disse o deputado.

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Maia quer aprovar Nova Previdência na Câmara em dois meses
Imagem: Fernando Frazão/Agência Brasil
COMPARTILHE

Rodrigo Maia (DEM), presidente da Câmara dos Deputados, voltou a criticar, nesta terça-feira (18), a criação de um novo imposto nos moldes da extinta CPMF ou de um chamado “imposto digital”.

Durante evento online do Banco Santander, Maia disse que trabalhará contra uma eventual proposta neste sentido caso seja enviada pelo governo do presidente Jair Bolsonaro

“Se for diferente do que a gente conhece, seria bom o governo apresentar a redação dessa proposta. O Paulo [Guedes] diz que não é a CPMF, que não é correto falar isso. Então, se o Paulo diz isso, se o ministro diz isso, é bom ele apresentar a proposta, mandar uma PEC oficial para discutir a matéria.”

O parlamentar acrescentou:

“Eu vou trabalhar contra, já disse, vou trabalhar, inclusive, para que ela seja derrotada já na CCJ para que o Brasil não entre nesse pesadelo de ficar criando imposto a cada crise.”

Segundo o portal Terra, Maia disse que não encontrou em outros países do mundo algo parecido:

“Quando você vai olhar, o que é um imposto digital? O que é uma operação de compra de um produto na Amazon? É um IVA [imposto sobre valor agregado], nada além do adicional de um IVA. Então é uma tributação extra em relação à sociedade brasileira.”

- PUBLICIDADE -
Error: Embedded data could not be displayed.
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no telegram
Compartilhar no reddit
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no email
VEJA TAMBÉM
Error: Embedded data could not be displayed.