Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Maioria dos presos em distúrbios do BLM em Portland é formada por brancos

REDAÇÃO RENOVA Mídia

REDAÇÃO RENOVA Mídia

Maioria dos presos em distúrbios do BLM em Portland são brancos
COMPARTILHE

A maioria dos casos de prisão em Portland envolve suspeitos brancos (77%) e homens (67%).

A promotoria distrital do condado de Multnomah divulgou dados relacionados às prisões durante protestos em Portland, nos Estados Unidos

O novo relatório traz os dados mais completos disponibilizados ao público até agora sobre os distúrbios do Black Lives Matter e da Antifa que convulsionaram Portland desde maio. 

Entre 29 de maio e 5 de outubro, 974 casos foram trazidos ao escritório da polícia de Portland durante os protestos. Muitos envolvem reincidentes, embora o número não seja publicado no relatório. 

Quase 70% desses casos foram descartados. 543 casos foram rejeitados por “interesse da justiça”, 44 casos por “provas insuficientes”, 12 casos por “impedimento legal” e 67 casos estão “pendentes de acompanhamento investigativo da aplicação da lei”.

A maioria dos casos envolve suspeitos brancos (77%) e homens (67%).

83% dos suspeitos são jovens adultos de 18 a 35 anos. Os dados juvenis não estão incluídos no relatório, destaca o site The Post Millenial.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram