Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Malásia distribui máscaras e fecha escolas devido a incêndios florestais

Tarciso Morais

Tarciso Morais

Malásia distribui máscaras e fecha escolas devido a incêndios florestais
COMPARTILHE

Há anos o sudeste asiático sofre com ondas anuais de fumaça provocadas pelas práticas de cortes e queimadas dos agricultores da Indonésia.

O governo da Malásia distribuiu, nesta terça-feira (10), meio milhão de máscaras e fechou mais de 400 escolas na região de Sarawak por causa do alastramento de uma névoa resultante de incêndios florestais.

Autoridades malaias culparam a vizinha Indonésia pela fumaça, mas o país refutou a acusação e disse que também há incêndios florestais em outras nações da região.

Cingapura disse que a qualidade do ar pode atingir níveis insalubres nas próximas 24 horas se o vento continuar trazendo a poluição.

Incêndios florestais estão ardendo em partes da ilha indonésia de Sumatra e da província de Kalimantan, em Bornéu, há semanas, e forçando o governo a enviar milhares de militares e policiais para conter as chamas.

Os vizinhos da Indonésia se queixam com frequência do nevoeiro causado por seus incêndios florestais — muitas vezes ateados por agricultores que tentam liberar terras para plantações de palmeiras, informa a agência Reuters.

- PUBLICIDADE -
TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram