PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Mandetta não vê motivos para Bolsonaro exibir exames de coronavírus

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

“Se for uma coisa só por curiosidade, acho que fica resguardado o direito do paciente”, diz Mandetta.

Henrique Mandetta, ex-ministro da Saúde, afirmou que não vê “utilidade” na divulgação do resultado dos testes de coronavírus do presidente da República, Jair Bolsonaro.

Em entrevista à emissora CNN, na manhã desta quinta-feira (7), Mandetta declarou:

“Eu não sei a utilidade. Qual é a utilidade fática? Se for uma coisa só por curiosidade, acho que fica resguardado o direito do paciente.”

O ex-ministro continuou a criticar a obrigatoriedade de divulgação do exame: 

“Se tem uma ordem judicial, o presidente deve se relacionar com os advogados, juízes… Isso é uma coisa que diz respeito à Advocacia-Geral da União. […] Não consigo entender no que isso seria determinante, mas o juiz deve ter suas razões.”

Mandetta citou o seu próprio caso para exemplificar a situação.

“Eu fiz alguns exames. O meu deu negativo. Não tenho nem o papel”, completou o ex-ministro.

Nesta quarta-feira (6), André Nabarrete, desembargador do Tribunal Regional Federal da 3ª Região (TRF-3), decidiu manter uma determinação da Justiça Federal de São Paulo que obriga o presidente Bolsonaro a entregar “os laudos de todos os exames” realizados para detectar o coronavírus, como noticiou a RENOVA.

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
Compartilhar no email
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!
PUBLICIDADE. ANUNCIE AQUI!

Encontrou um erro?

Para comunicar um erro de português, de informação ou técnico, preencha o formulário abaixo.