- PUBLICIDADE -

Manifestantes ocupam sede da Vale em Brumadinho

Manifestantes ocupam sede da Vale em Brumadinho

Fornecimento de água em Brumadinho está sob o encargo da Vale desde o desastre em 2019.

- PUBLICIDADE -

Cerca de 150 integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens (MAB) ocuparam, na manhã desta quinta-feira (22), a sede administrativa da mineradora Vale em Brumadinho, no interior de Minas Gerais.

Eles reivindicam a extensão do prazo do pagamento do auxílio emergencial proposto pelo governo Jair Bolsonaro para cerca de 100 mil pessoas.

Os manifestantes também alegam que, após o desastre no início do ano passado, a oferta de água na região ficou poluída.

Desde o trágico rompimento da barragem, em 2019, a Vale se comprometeu a garantir o abastecimento de água da região.

Ao comentar sobre o protesto, a Vale afirmou “que respeita a livre manifestação, desde que observado o direito de ir e vir e a propriedade, repudiando qualquer manifestação que viole tais direitos”.

A mineradora do Brasil disse ainda que realiza encontros regulares com representantes legítimos dos atingidos, “visando uma reparação célere e respeitosa”.

PUBLICIDADE

- PUBLICIDADE -

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -

- PUBLICIDADE -