- PUBLICIDADE -

Manifestantes podem pegar 3 anos de prisão em Belarus

Manifestantes podem pegar 3 anos de prisão em Belarus
- PUBLICIDADE -

Aliado da Rússia, Lukashenko fecha o cerco contra opositores.

O ditador Alexander Lukashenko sancionou, nesta terça-feira (8), uma lei para endurecer as sanções contra participantes em manifestações em Belarus.

A modificação ocorre em meio à repressão aos crescentes protestos contra a reeleição de Lukashenko em 2020, que já resultou na prisão ou exílio forçado de centenas de opositores e jornalistas.

De acordo com a nova legislação, um manifestante que já participou de mais de duas concentrações não autorizadas pode ser punido com até três anos de prisão.

O texto também introduz penas para combater o “extremismo”.

Cidadãos podem pegar até seis anos de prisão por participar ou promover “atividades extremistas” ou até cinco anos para quem for condenado por financiá-las.

Segundo a mídia independente Tut.by, a definição de “extremismo” neste caso é “ampla” e não permite definir quais atividades específicas são puníveis.

A nova lei ainda aumenta a pena máxima para a publicação de informações “falsas” sobre a Belarus de dois para quatro anos de prisão.

PUBLICIDADE
- PUBLICIDADE -

TÓPICOS

COMPARTILHE

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no reddit
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -
- PUBLICIDADE -