Marinheiros da Ucrânia são transferidos para prisão em Moscou

Português   English   Español
Marinheiros da Ucrânia são transferidos para prisão em Moscou
TARCISO MORAIS
TARCISO MORAIS
Fundador e editor-chefe da RENOVA Mídia

Os 24 marinheiros da Ucrânia aprisionados pela Guarda Costeira da Rússia no domingo passado, no mar Negro, foram transferidos para a capital Moscou.

A informação foi concedida nesta sexta-feira (30) pela defensora pública da Crimeia, Liudmila Lubina, informa a agência EFE.

Todos os marinheiros da Ucrânia foram transferidos a Moscou.

“Não resta nenhum no centro de detenção preventiva de Simferopol (capital da Crimeia)”, disse Lubina à agência oficial russa “Tass“.

Um tribunal da Rússia ditou prisão preventiva contra os 24 marinheiros, tripulantes dos três navios da Marinha ucraniana retidos pela Rússia após acusá-los de violar suas águas territoriais.

Também nesta sexta, o governo ucraniano do presidente Peter Poroshenko proibiu a entrada de homens adultos russos no território da sua nação, conforme noticiou a Renova Mídia.

SIGA A RENOVA

Compartilhe...

Share on whatsapp
Share on google
Share on pinterest
Share on linkedin
Share on email

Deixe seu comentário...

Veja também...