Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch
Português   English   Español   Italiano   Français   Deutsch

Máscaras cirúrgicas somem de farmácias em São Paulo

Mascaras cirurgicas somem de farmacias em Sao Paulo
Imagem: Jefferson Barbosa/EPTV
COMPARTILHE

O produto, que já está em falta em boa parte das farmácias da capital paulista, deve voltar às prateleiras com preço reajustado.

À medida que o medo do coronavírus causa elevação na procura pelas máscaras cirúrgicas, farmácias do centro da capital de São Paulo estão sem o produto nas prateleiras.

A maior procura é de pessoas que estão com viagem marcada ou que vão receber parentes oriundos de países com registro de mortes e casos confirmados da doença. 

Nos últimos dias, após a proliferação do vírus na Europa, a procura cresceu ainda mais. Agora, com a confirmação do primeiro caso no Brasil, as máscaras devem ficar ainda mais escassas.

Segundo a revista Exame, a farmacêutica Ana Paula Souza Miranda, de 31 anos, declarou:

“Muitos chineses querem comprar máscaras porque vão viajar ou enviar para familiares que moram fora do Brasil. Em média, vinte pessoas passam por dia pela loja em busca de máscaras. Quando os produtos chegam, acabam no mesmo dia ou no máximo no dia seguinte. Hoje não temos mais. Algumas pessoas também ligam e outras querem encomendar.”

O jornal Estadão percorreu farmácias do centro da capital paulista na manhã de ontem. Todas disseram não ter o produto para venda e muitas sem previsão de chegada. 

PUBLICIDADE

TÓPICOS
COMPARTILHE
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram

Comentários_

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião da RenovaMídia.

Ao comentar você concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Assinar
Notificar quando
guest
0 Comentários
Feedbacks em linha
Ver todos os comentários